Hopi Hari dá início a montagem do palco da Hora do Horror 2018.

Como vocês já sabem, este ano a Hora do Horror terá uma produção interna dentro do próprio parque, a Harikadabra. O Hopi Hari nesta semana vem lançando novidades quanto ao novo palco, onde ocorrerão os shows de abertura e encerramento do evento e também a já tradicional balada a céu aberto.

O palco está neste ano visivelmente maior do que todas edições anteriores, mas ainda não foi divulgada uma metragem exata, mas somente pela aparência percebemos que é um dos maiores, se não o maior, já visto nos eventos de terror e horror do Brasil.

Ele ainda conta com 3 andares, ou seja, 3 níveis de palco. Ainda não foram divulgados os motivos para a utilização desses níveis, mas acreditamos que tenha algo a ver com a própria cenografia ou até mesmo para ser utilizado em outros eventos, mas com certeza esperamos muitas novidades.

Veja logo abaixo as últimas fotos da montagem.

Em meados do século XV (15) a Inquisição era uma realidade inegável.Pessoas de todas as idades viviam amedrontadas com a eminencia da caça às bruxas e torturas dos inquisidores em busca daqueles que propagavam o oculto entre os cidadãos.

As mais variadas práticas eram dadas como malditas. Inocentes eram capturados e torturados até a confissão de suas heresias. O que muitos sabiam e poucos ousavam duvidar eram das forças sobrenaturais. Sacríficos humanos em troca de poder propagam as trevas por toda parte.

“A Hora do Horror 2018, é um desafio. A ideia é sempre inovar, e trazer ao publico uma experiencia única, e claro, respeitando o Hopi Hari e todos os profissionais que passaram pelo parque. Nós com certeza estamos preparando um evento muito bom!” – Rogério Barbatti.

Saiba mais sobre a Hora do Horror aqui no Portal! Aguarde nossa cobertura exclusiva!

Sign Up for Our Newsletters

Get notified of the best deals on our WordPress themes.

You May Also Like

Análise Hora do Horror 2014 – A Loja de Brinquedos

Durante este ano, muito se especulou e se falou sobre o evento.…

Contos do Horror – Pesadelos

A Muito tempo não faço uma postagem para a coluna “Contos do…